Páginas

quarta-feira, 11 de julho de 2007

De onde vem a tristeza?

Read this post in English

Fico pensando de onde vem aquela tristeza que a gente não sabe o motivo. Sabe, aquela coisa que vem vindo e toma conta e você não tem a menor idéia de onde veio, por que ou como fazer pra ela ir embora? Também acontece de acordarmos com ela. Como se fosse um ser independente que, sorrateiro, fica à espreita, esperando o momento certo pra te pegar desavisada. Então dá o bote e te pega, inteira, e te envolve. O dia passa devagar, as cores se apagam e o peito parece ficar apertado. E a gente pensa, pensa e não descobre o que é que está fazedno aquilo com a gente. Mas é ela, a tristeza, que resolveu nos visitar só pra dar o ar da graça. E o abraço que ela nos dá é tão envolvente e tão completo... nem vontade pra escapar a gente tem. Então, no dia seguinte, ela simplesmente se foi, alheia ao estrago que nos fez no dia anterior. E voltará, quando lhe der na telha. Com certeza estaremos vulneráveis novamente, porque não estaremos esperando por ela, nunca estamos. E tudo passa. As cores voltam e o peito se liberta. O ar entra com mais facilidade e o sorriso escapa num alívio gostoso. E a vida continua. Como sempre, ela continua.

3 comentários:

AP disse...

Bom dia! Numa manhã cinzenta e chuvosa como essa (aqui no Rio) é fácil se deixar levar pela tristeza... Tem uma música do Nando Reis que diz que a "tristeza é tentação"... Verdade, né? ela entra na gente, vai se espalhando... Que bom que a vida continua mesmo... Depois de fases de tristeza extrema (depressão, aliás...)virei adepta da filosofia (de botequim, que seja!) de "nada como um dia atrás do outro"!

Beijos!

Kojin Biohazard disse...

É verdade, há dias, horas, momentos, que eu me sinto a pessoa mais infeliz do mundo. Porém, nada que uma boa companhia (é assim que escreve? õ-o) possa ajudar a resolver.

Amigos são para todas as horas! :D

Beijos.

BillyWarhol disse...

Don't be Sad, Be Happy********

Smiles!! ;))

Peace*