Páginas

sábado, 12 de maio de 2007

A mulher mais linda do mundo

Não sei quantos de vocês são da geração que se deliciava todos os dias em frente à tv durante o programa "Vila Sésamo", passado nos anos 70. Bem, eu era uma dessas crianças. Eu tinha meus personagens favoritos (Ênio e Beto) e também aqueles que eu não gostava muito (Come-come), mas não perdia um episódio. Eu ainda era muito pequenininha, uns seis ou sete anos, mas me lembro que ria muito, sentadinha no chão em frente à tv, com ou sem uma almofada, pescocinho esticado, vestidinho florido... era muito bom!

Estou aqui hoje pra relembrar uma historinha que guardo na memória com muito carinho. Era sobre um menininho que se perdia de sua mãe. E ficava perguntando à todo mundo:
-- "Você viu minha mãe?" - mas ninguém a conhecia.
Então, perguntaram a ele:
-- "Mas como é sua mãe?" - tentando obter alguma informação para tentar ajudar a encontrá-la.
E o pequeno prontamente respondia:
-- "A minha mãe é a mulher mais linda do mundo!"
Assim, todos começaram a procurar as mulheres mais lindas e apresentá-las ao garoto mas... nenhuma era sua mãe. E ele apenas dizia:
-- "A minha mãe é a mulher mais linda do mundo!"

Fizeram até um tipo de concurso, reunindo muitas e muitas mulheres lindas.
Mas nenhuma era a mãe do menino.

Então, quando todos já perdiam as esperanças de encontrá-la, apareceu uma mulher de aparência pobre e humilde, vestes simples e lenço na cabeça. O rosto do menino se iluminou:
-- "Mãe!" - e a mulher, sem nenhuma palavra, abriu os braços e aconchegou seu filho num abraço cheio de amor!

Quem assistia a cena não podia entender... como podia o pequeno garoto chamar aquela senhora de mãe? Foram perguntar a ele, sem cerimônia:
-- "Hei, menino! Como assim, "mãe"? Você não disse todo o tempo que sua mãe era a mulher mais linda do mundo?!

Então, com a expressão mais singela que se pode sorrir, o menino disse:
-- Sim, ela não é mesmo a mulher mais linda do mundo? - E ela era, ali, naquele momento, para aquele menininho, a mais linda de todas as mulheres. Porque era a sua mãe.

Feliz Dia das Mães, a todas as mães, lindas e maravilhosas, gostosonas e glamourosas, charmosas e especiais... porque é assim que são todas as mães!


PS: mas a minha, é a mais linda do mundo!


2 comentários:

dän disse...

a minha mãe é o meu maior amor. me emocionei com esse post.

Lêda Takamura disse...

Poxa ! Vim aqui por que estava procurando essa estória . Também assisti esse episódio .NUNCA ESQUECI !!!!!
Estou querendo fazer uma peça na igreja usando essa estória e procurei no google com esse título :
A minha mãe é a mulher mais linda do mundo . Incrível ! Cheguei no seu blog . Estou feliz .

Lêda Takamura takamuraeboschetti@yahoo.com.br
Parabéns por lembrar de algo que passou na TV há mais de 20 anos !