Páginas

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Arthur e vovô João

Read this post in English
Janeiro, sol, verão tomando conta do corpo, da cabeça... meus pais foram à praia depois de tantos anos. Lá, conheceram Arahilda, articulista do Jornal de Uberaba. Ela, embevecida com a visão tão especial de meu pai, de idade já avançada, caminhando na praia de mãos dadas com meu sobrinho de quase um ano e meio, aproximou-se e parabenizou meu velho pai pela linda cena. Sentiu por não ter uma máquina fotográfica naquele momento para registrar tal cena mas prometeu, ali mesmo, escrever a respeito. Com maestria (a meu ver), Arahilda cumpriu o que prometeu. E mais, conseguiu com suas belas palavras transmitir a poesia do momento único.
Parabéns, Arahilda. E obrigada.

Jornal de Uberaba - 10/02/2008 às 19:08 (parte do artigo "Mineiro quer mar")

Visão de estalar cabeças pensantes surge na paisagem ensolarada: ancião, bengala na mão e na outra, pequenina mão de criança. Arthur, ano e meio a "conduzir" vovô João, areia molhada refrescando pés, mãos enlaçadas bem sintonizadas em abraço familiar. Olhos marejados de quem vêem, delineando cena em quadro, qual pintor ou retratista.
Mas fixada para esta cronista, tentativa de descrever tamanho momento em que o coração acusa, a mente divaga, a imaginação anseia por torná-la inesquecível. Olhos muito azuis do pequeno Arthur misturaram-se no infinito céu, onde, por certo, São Pedro fechando comportas, permitiu sol banhando de luz, qual pintura de Monet, a cena do alquebrado e simpático ancião a conduzir pela mão, o netinho de ano e meio.
Novos, lentos e marcantes passos deixam marcas na areia fixando-se em minhas memórias alojadas na alma e no coração.

Arahilda Gomes Alves é conselheira titular (Música) da Fundação Cultural e diretora do Fórum de Articulistas de Uberaba

Um comentário:

Sarneba disse...

Belo texto Cintia,dá realmente pra imaginar a cena!
Convido-a a dar uma passadinha pela vizinhança,molhar os pés no Brejo e em outras paragens das quais faço fronteira(como aqui)!
Abraços lamacentos!